Do céu ao inferno.

Posted by Italo Stauffenberg Marcadores: , , , , ,

- É tão bom ouvir a sua voz me dizendo que nunca me abandonarás.
Assim sempre eu dizia a Jordin quando o questionava sobre seu amor por mim. Conhecemos-nos desde a infância e ele sempre fora meu amor de infância, porém, nunca havia trocado uma palavra sequer com ele. Eu nunca consegui amar outro garoto além daquele. Ele era especial. Algo nele me chamava atenção. O olhar simples e carinhoso, o sorriso vibrante e a alegria de viver contagiavam minha vida. Mas eu confesso que sempre tive minhas dúvidas acerca do que ele sentira por mim. É muito difícil para alguém que está gostando de outro alguém imaginar esse  alguém lhe dando um fora. Este pensamento perturbava meu ser. Pedi para Regina saber se Jordin era afim de alguma garota do bairro ou da escola. Ele foi direto. Disse que sentia algo especial por mim. Algo que não conseguia descrever e nem expressar. Ele pensava que eu fosse afim de Jake, um menino que sempre anda comigo, o meu melhor amigo. O melhor sentimento do mundo é aquele que você tem quando descobre que a pessoa que você gosta, também gosta de você. Sendo assim, Regina nos fez o favor de marcar um “encontro às escuras” para nós. Se não me engano foi em uma tarde de novembro. Em um bar perto da Quinta avenida. Foi surpreendente tanto para mim quanto a ele devido a nossa total timidez. Eu imaginava que iria outro garoto da escola e ele outra. No fim, deu tudo certo. Depois deste dia minha vida nunca mais seria a mesma. Uma saída aqui e outra ali. Horas e horas no “MSN”, telefonemas diários e em menos de um mês começamos a namorar. Aqueles dias antes de nosso namoro foram incríveis. Serão dias que nunca conseguirei esquecer. Em menos de um ano nos casamos. Era um amor quase imbatível. Digo “quase” por que algo atrapalhou nossa felicidade. Acontece que Frederica era apaixonada por Jordin (ao que tudo indicava) e eu não sabia. Ela se infiltrou em nossas vidas e se fez passar por minha nova “melhor amiga”. Com o tempo eu fui acreditando nela e na amizade dela. Nunca imaginaria ser traída desta forma. Frederica, um belo dia, combinou de se encontrar comigo no shopping a fim de fazermos compras. Lá ela me ligou dizendo que iria se atrasar e me avisou que um amigo dela iria atrás de mim a seu pedido. Ele era novo na cidade (dizia ela) e estava meio perdido. Era tudo um plano diabólico de Frederica para Jordin chegar ao shopping e pensar que eu estava o traindo. Mas como assim? Eu nunca tinha visto aquele homem antes! Quando Jordin nos viu aos risos (o amigo de Frederica sabe como conquistar uma mulher e rápido) logo deu ouvidos aos comentários maldosos de Frederica. Ela estava acompanhada dele. Nenhuma palavra foi dita por Jordin a mim. Ele não acreditara que eu o tinha traído. Sai como uma louca atrás dele para tentar explicar o fato. De nada adiantou. Em nossa casa, aos prantos, tentava pedir a ele que não fosse embora. Eu odeio te ver chorar, portanto, acabe com suas lágrimas e escute o que tenho a te dizer. Vou embora para colocar as idéias no lugar e quem sabe eu te ligarei. Frederica conseguiu destruir em menos de um ano um amor que foi gerado em mim durante anos. Jordin não consegue me perdoar e não me ligou até hoje. Eu ainda o amo como antes. Mas é tempo de tornar àquela tarde de novembro, uma tarde clara e fresca, sossegada como a nossa casa e o trecho da rua em que morávamos. O máximo que podemos ser, hoje, é apenas amigos. Amigos? Pra que mentir fingir que perdoou tentar ficar amigos sem rancor, dizia-me ele em muitas das respostas de emails que o enviara. De fato, nem meu amigo Jordin é. Não sei mais o que faço para reatar esse amor. A cilada de Frederica foi cortante. Nunca mais a vi desde aquele dia. Ela sumiu de nossas vidas. Parece que fora enviada de algum lugar só para destruir nosso lar. Hoje, pelos cantos de minha casa me pego pensando em como seria minha vida com Jordin ao meu lado. Será que teríamos filhos? Será que estaríamos melhor financeiramente? Será que nosso amor ainda seria o mesmo do início? São perguntas que nunca obterei a resposta. Jordin não está mais aqui. Ele não me ama mais. Jordin se foi assim que  o outono se começou. Caíram às folhas, perdeu-se este grande amor.

"Ufa, texto bem grande não. Aperta o PLAY que a música é boa para ler o texto (Lifehouse-Broken). Confesso que demorei um tempo para fazê-lo. Espero que gostem da minha minissérie mexicana. E também espero que não tenham se cansado na hora de ler. Mas me digam, alguém já sofreu ou viu alguém viver algo parecido? É possível, depois do termino de um relacionamento, ambos se tornarem amigos? Ps.: o texto é quase biográfico, quase. Não. Eu ainda não fui traído por relacionamentos mas por uma grande amizade. fato. Quem não foi? Abraços."

12 comentários:

  1. ♥ Garota ♥

    Ser traído, não importa por quem, é ruim demais :S
    Lindo texto :)
    Beeijos ♥

  1. Débora Panterellas

    "O melhor sentimento do mundo é aquele que você tem quando descobre que a pessoa que você gosta, também gosta de você."
    Isso é tão verdade :')

    Quanto a tua pergunta sobre uma possível amizade depois do término de um relacionamento, eu acredito que tudo depende da forma como o relacionamento acaba!

    Gostei muito do texto, bem novela mesmo, rs!

    Beijos :*

  1. Lucas Stefano

    uau...texto logo bm verdade...mas deu gosto de ler.Como eu conheço o estilo das tuas hitórias,eu pensei: meu,eu preciso ler até o fim...valeu realmente a pena.Não me decepcionei.Muito bom o texto.Cara,agora sobre o lance da traição...ser traído seja por um amigo ou parceiro amoroso é muito ruim...acho que eu um dia ainda vou ter essa sensação.É duro mas é a realidade.

    Abraços.

  1. ingrid #

    ooooii. vim lhe agradecer pela ajuda e apoio sobre meus textos plagiados.. infelizmente a garota continua O; beijoos!

  1. Patrícia N.

    Minissérie mexicana?Seria um ótimo filme da Paramount!8D
    As supostas "amizades" podem realmente levar uma vida do céu ao inferno.Muito bom!

  1. Christine Wengrzynek

    Ual! Que texto hein? Muito bem escrito e muito tocante, vocÊ escreve muito bem *-*



    obs.: Eu acabei de descobrir que eu não te seguia ainda [a] Mas já estou seguindo u_u

    http://cgw-sonhoperdido.blogspot.com/

  1. Jackie

    Hey, nossa.. que texto lindo!
    Achei legal o que fez colocando as edições de cada projeto. Muito bom!
    E essa Frederica, hein.! Que coisa! Acho que Jordin devia ter escutado o que a mulher tinha a dizer, mas na hora não deu né. O desespero foi maior...

    Muito bom!

    bjo!

    http://floresnegrasdajackie.blogspot.com/

  1. Débora Panterellas

    Ahhh Italo, que bom que você gostou do muralzinho! *-*

    Boa Noite, beeijos :*

  1. Débora Panterellas

    Ahhh Italo que bom que você gostou do muralzinho! *-*

    Boa Noite, beijos :*

  1. @juusep

    Que grande...
    Que dom de se transformar no personagem, sair de guri e se transformar guria HAHA beijo.

  1. @juusep

    Que grande...
    Que dom de se transformar no personagem, sair de guri e se transformar guria HAHA beijo.

  1. Irene Moreira

    Que amiga, que vida, que tristeza e que bela história.
    COmpletíssima e boa sorte em todos os projetos.
    Beijos

    Irene Moreira

    http://avitrinedesopnhos.blogspot.com
    http://mamyrene.blogspot.com

 

2011 por Natalia Araújo 2013 por Allan Penteado. Exclusivamente para o blog Manuscrito. Cópia parcial ou integral é totalmente proibida.