Escrevi uma carta.

Posted by Italo Stauffenberg Marcadores: ,

      Peguei a caneta, encarei o papel em branco e escrevi esta carta a você numa tentativa de te esquecer. Você é como um vício para mim. Eu fico muito confuso quando estou ao teu lado. Teu cheiro, teu perfume, tudo me alucina, me fascina. Você é como uma droga para mim. Se experimentar uma vez não consigo mais largar. Só a base de tratamentos. Este tratamento será meu desligamento de você. Você faz bem a minha ilusão, a minha paixão. Na realidade, sei que você não me ama, sei que não me quer. Um dia fomos namorados, amantes e apaixonados. É um passado que deve ser esquecido tanto para mim quanto a você. Sei que não me perdoas por ter te traído. Sei que não me queres. Lucy, por mais que os ventos soprem contra essa paixão que domina meu ser eu terei que partir, terei que te esquecer. Essa foi a única maneira que encontrei para tentar te fazer esquecer. Escrevi uma carta com o propósito de te dar meu adeus (apesar de saber que não queres mais saber de mim). No fundo, eu ainda penso em ti ter novamente em meus braços. Quem sabe um dia quando estivermos mais maduros, quem sabe um dia quando você voltar a me amar. Foi te perdendo que descobri que te amo. Foi te perdendo que percebi o cara idiota que sou e por te perder não me perdoarei. Partirei para onde esse amor não me dominará mais. Perdão. Perdão por te amar e te fazer sofrer. Perdão por não ter sido o cara que você sempre sonnhou. Foi tentando me acertar que eu errei. Foi tentando te fazer feliz que te decepcionei. Até um dia, quem sabe. 
Abraços apertados,
Ian McGregor Baudelaire.

Pauta para In Verbis
Pauta para Bloínquês - Carta e Conto/História.

5 comentários:

  1. Heitor Lima

    O impressionante é que essa história se repete a todo momento com vários e vários casais ao redor do mundo. A humanidade precisa deixar a mania de só dar valor às pessoas quando as perdem.
    Muito bom, o post, mano. :D

  1. doomedlove

    noooooooossa! que lindo! :o
    Essa 'Lucy' me lembra Beatles!
    hhaahaha

    blog ótimo como sempre (:
    bjinho :*

  1. Jackie

    Hey, vc disse PARIS? Nossa, sorte sua! Ainda vou dar uma "passadinha" por lá.!
    Eu ia comentar o texto, mas nem li. É pauta pro InVerbis e eu nem fiz o meu ainda! rsrs Não posso ler agora, mas volto depois, ok"!

    Um beijão!

  1. Nathy

    Na verdade eu não gosto de memes mesmo. mas achei legal essa ideia de imagens, já postei. hehe. Beijos!! ;)

  1. Anônimo

    Adorei o modo como você conseguiu encarnar o Baudelaire! Perfeito, realmente ficou lindo!

    Beijo :* Adorei, mesmo!

    Tiêgo Alencar, do http://apseudociencia.blogspot.com

 

2011 por Natalia Araújo 2013 por Allan Penteado. Exclusivamente para o blog Manuscrito. Cópia parcial ou integral é totalmente proibida.