To Nöel

Posted by Italo Stauffenberg Marcadores: , ,

      Papai Noel,

      Quando eu era pequeno acreditava muito que o senhor existia, assim como a fada dos dentes e outros seres encantados que só apareciam em determinadas situações e épocas. Sabe, era bom saber que todo final de ano eu receberia algo de um velhinho alegre e que passava o ano todo preparando um presente que eu mesmo escolhesse. Fui ensinado que para receber tal façanha teria que ser um garoto comportado e obediente e eu sempre fui, até que um dia eu acordei de madrugada e vi que meus pais colocavam os presentes que eu pedia embaixo da árvore de Natal.
      A minha reação? Chorei, e como chorei. Eu fui enganado duplamente: pelos meus pais e pelo bom velhinho. Como uma criança poderia assimilar tudo aquilo? Toda uma mentira de anos? Eu não merecia saber daquilo naquela idade. Foi um dos piores finais de ano que vivi e talvez o meu pior Natal. Não consegui dormir naquele dia e nem quis dar atenção quando meus pais me disseram "toda a verdade," e que toda a fantasia criada sobre o senhor era para eu me divertir e viver o meu momento de criança.
      Só que estou eu aqui, novamente, lhe escrevendo uma carta na esperança de que a receba e a leia com atenção. Tenho dois pedidos a lhe fazer. Um está diretamente relacionado a mim e o outro a determinada situação. Acontece, meu bom velhinho, que minha mamãe está muito doente. Ela tem um tipo de câncer muito raro e eu não iria conseguir viver sem tê-la do meu lado. Hoje, ela está no hospital à espera de um tratamento descente. Nós não temos condição de levá-la para um hospital melhor e eu queria muito a sua ajuda. Eu sei que o senhor pode me ajudar! Por favor...
      O meu outro pedido é para que ajude as crianças que sofrem de câncer neste Natal e que o senhor não as esqueça. Elas, assim como eu, têm a esperança de que o senhor existe. Se eu pudesse fazer o que os meus pais fizeram por mim, um dia, em me dar presentes todo final de ano, eu faria, mas não posso. Não trabalho, tenho só 12 anos e sou desprovido de condições. Papai Noel, me ajuda! Atende o meu favor! Eu quero acreditar que esse Natal será diferente e que meus pedidos se realizarão. Eu não quero presente nenhum, só quero que o senhor faça do meu natal um Natal melhor e o de outras crianças melhores ainda! 
      Não me decepcione, eu quero acreditar que existes e que neste momento, estás lendo minha carta.
Com carinho,
    Taylor Reynolds
"Como seria bom acreditar no "bom velhinho". Texto fictício, óbvio. Já vivi meu momento de acreditar no papai Noel como a presonagem, mas isso já passou. Desejo a todos um Natal abençoado e que vocês possam passar essa data com suas famílias e celebrando a união entre vocês. Que Deus possa abençoá-los em infinita graça. Arg, esse texto é para o Blorkutando. Nossa, há muito tempo não escrevia para lá. Espero que dê frutos. Rs'. Então, ho-ho-ho FELIZ NATAL! GOD BLESS.

14 comentários:

  1. Lucas Stefano

    GOD BLESS YOU TOO MY FRIEND. Ótimo post sobre o natal. Eu também fiquei meio chocado com esse lance de que papai noel não existe. Fazer o que :(.

  1. Allan Penteado

    Ai Italo, que texto triste, poxa, no começo tava indo tão bem, tão engraçado, fez-me lembrar do dia que eu descobri que Papai Noel não existe, é claro que eu desconfiava porque umas crianças já tinham me falado, só que um dia eu resolvi ficar acordado até mais tarde pra assistir um filme da xuxa e acabei por ver meus pais embrulhando os presentes, foi decepcionante, eu não quis aceitar, fingi que o papai Noel deixou o presente e que eles embrulharam, mas no fim das contas eu acabei aceitando kkk. Abraço

  1. Allan Penteado

    Ai Italo, que texto triste, poxa, no começo tava indo tão bem, tão engraçado, fez-me lembrar do dia que eu descobri que Papai Noel não existe, é claro que eu desconfiava porque umas crianças já tinham me falado, só que um dia eu resolvi ficar acordado até mais tarde pra assistir um filme da xuxa e acabei por ver meus pais embrulhando os presentes, foi decepcionante, eu não quis aceitar, fingi que o papai Noel deixou o presente e que eles embrulharam, mas no fim das contas eu acabei aceitando kkk. Abraço

  1. Patrícia N.

    Feliz Natal para ti também!Lindo texto,muito emocionante...Na verdade tudo que se refira aos pais me emociona.Eles são a razão do meu viver!
    Ah,eu não me decepcionei muito quando descobri que o Papai Noel não existia...Na verdade eu já até esperava e achava toda esta farsa uma bobagem,até que meu irmão nasceu e eu fiz (e ainda faço) de tudo para ele acreditar e ter uma bela infância!

  1. Pegadas do Coração

    Toda criança acredita na existência do "Papail Noel", só quando crescemos é que damos conta que tudo não passava de uma grande mentira..Rsrs..
    O teu texto ficou como sempre sensacional!Quase acreditei no teu conto..Kkk..
    Meus parabéns!
    Abraço!

  1. Leila Ice Girl

    Ah Ítalo, feliz natal pra você e tudo de bom no ano novo que se aproxima. Cara, o natal é legal, mas admita é um feriado comercial aha,eu sou teimosa!
    Beijos

  1. Carolina Diaz

    Post muito lindo, parabéns! Que possamos todos acreditar num Natal cada vez melhor em nossas vidas! Grande beijo

  1. Mah

    Pô,ja tava ficando com pena de vc e aí vi que era inventado!Mesmo assim,o texto ficou bom.Feliz Natal!

  1. Alquimista de Sonhos

    Eu ainda to aprendendo a usar o tumblr ^^'

    Hm, também escrevi pra essa edição do Blorkutando :)
    Boa sorte, amigo! :D

  1. @juusep

    Só passando para avisar que tem um selinho lá no blog, e uma mensagem de Natal e ano Novo adiantado rs. Beijos, feliz Natal e um prospero ano novo! Se cuida.

    http://vouvivendoavidalevemente.blogspot.com/2010/12/papai-noel-deixou-meu-presente-de-natal.html

  1. @juusep

    Só passando para avisar que tem um selinho lá no blog, e uma mensagem de Natal e ano Novo adiantado rs. Beijos, feliz Natal e um prospero ano novo! Se cuida.

    http://vouvivendoavidalevemente.blogspot.com/2010/12/papai-noel-deixou-meu-presente-de-natal.html

  1. p, beck.

    - nossa, que baita susto você me deu. :s

    enfim, o texto é excelente. doce e ingenuo, parabéns :)

  1. Fearless

    Nossa, tão lindo... Você tem uma capacidade incrível de prender o leitor... Eu comecei a ler entediada, pensando que seria mais um textinho bobo de natal, e de repente você me emociona e me surpreende desse jeito! Parabéns, lindo texto.
    E que Deus possa ouvir essa oração, que ficticia ou não, é muito real.

    beijo.

  1. Filipe Machado

    Puxa, ficou ótimo. Comovente :/
    Enfim, tem um selo pra ti lá no blog :) http://to-infinity-andbeyond.blogspot.com/2010/12/stamps.html

 

2011 por Natalia Araújo 2013 por Allan Penteado. Exclusivamente para o blog Manuscrito. Cópia parcial ou integral é totalmente proibida.