Amy Winehouse

Posted by Italo Stauffenberg Marcadores: , , , , , , , ,


      
      Talvez a morte repentina de Amy Winehouse tenha sido a manchete dos jornais da semana, do mês e, por que não do ano? Sim, a cantora morreu e deixou muitas polêmicas enquanto viva e depois de morta não seria diferente. Para quem não a conhece, Amy Winehouse é uma cantora britânica que ficou conhecida mundialmente por ter uma voz inigualável e também por ser freqüentemente alvo dos paparazzi devido a sua má conduta.
      Amy Winehouse, no cenário musical, lançou apenas dois CDs: Frank (2003) e Black to Back (2006). Este último lhe rendeu seis indicações ao Grammy (Oscar da música) onde a mesma faturou cinco como Canção do Ano, Gravação do Ano, Artista Revelação, Melhor Álbum Vocal Pop, Melhor Performance Vocal Pop Feminina. Amy teve a música Rehab como à música mais influente do mundo na década 2000-09.
      Amy Winehouse, em âmbito familiar, nasceu em Southgate, bairro londrino, filha de Mitchell e Janis Winehouse e irmã de mais outros quatro irmãos. Amy tinha descendência judaica. Amy Winehouse, em vida particular, viveu o que a literatura chama de “tragédia grega”. Apaixonou-se perdidamente por Blake Fielder-Civil, um Zé Ninguém, que apenas sugou toda a sua vida. Amy casou-se com Blake em um casamento de pouco mais de 200 dólares em Miami em 2007 e a partir de então teve sua vida em queda livre total.
      Blake é o que poderíamos chamar de sanguessuga em potencial. Sugou a vida de Amy, a voz, o dinheiro, a saúde, enfim, tudo. É como a mídia internacional os chamava: casal Romeu & Julieta da era moderna. E sim, o casalzinho pode ter o que, de fato, chama-se de fim trágico. Amy foi encontrada morta no último sábado, 23, em sua casa e, provavelmente, a morte pode ter sido por overdose de álcool, drogas e, quem sabe, até por remédios.
      Amy Winehouse nem de longe era o que poderíamos chamar de pessoa feliz. A bíblia menciona em Marcos 8: 36-37 Pois, que adianta ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma? Ou, o que o homem poderia dar em troca de sua alma?”, tal menção poderia ser aplicada muito bem a vida de Amy. De que adianta ter tido tanto sucesso, dinheiro e ser infeliz ao mesmo tempo. Infelicidade que a levou para o consumo exagerado do álcool, das drogas e até por um amor maluco por seu marido Blake.
      Amy Winehouse por várias vezes tentou se reerguer e através da música Rehab expressou sua luta contra seus vícios. Por várias vezes, ela teria dito não a reabilitação, mas houve um tempo que isto seria inevitável. O diagnóstico de Amy? Ela não era viciada, mas, apenas uma deprimida por causa de seu amor inesgotável por Blake. Amy se autodestruiu, se auto-condenou. Amy fez a sua própria sentença: a morte. E morte, assim, não é desejável para ninguém.
      Amy Winehouse saiu da vida e entrou para história. Para a história dos fracassados, daqueles que tiveram a oportunidade de crescer na vida profissionalmente e deixaram ser levados por emoções, entrou para a história dos solitários, dos angustiados. Amy Winehouse, ao final das contas, era uma grande looser, uma grande perdedora e sabia que era assim O pior de tudo é que ela se conformava com tal situação deplorável.
isso aí galera! Todo mundo tem uma hstória para contar e ser contada. A da Amy não e nada empolgante, mas, também não é de ser deixada de mencionar. Sei que muitos podem discordar do que escrevi, mas, isso em tese é o que todos pensam. Que ela descanse em paz? Bom, se ela encontrar descanso para sua alma, eu lhe desejo isto, mas... SOMOS RESPONSÁVEIS POR AQUILO QUE SEMEAMOS.Abraços."

18 comentários:

  1. M!sunderstood

    Sinceramente?

    Tinha um talento enorme, uma voz poderosíssima, canções ótimas. Como artista era ótima.

    Como mulher, era deplorável. Deixou sua vida escorrer por entre os dedos, e não fez nada, deixou apenas acontecer.

    O mais engraçado, é que agora todo mundo é fã.

    hahaha.

    Beijos, Misunderstood.

  1. Jorge Lima

    Acho que Amy foi uma grande cantora e tinha muito o que mostrar. Mas como todos vem mostrando em posts e reportagens; ela foi vitima de tudo: golpes de empresarios, traumas e alcool.
    Isso prova uma vida contraditoria: tão cheia de talento, mas vazia de vida, de bons valores e sentimentos.
    Talvez o alcool para Amy fosse um modo de dormir constantantemente, um analgesico para não ter de lembrar que a vida no mundo é algo que machuca.

  1. Djéeh

    Realmente, ela se auto destrui . Uma pena, mais um famoso se afundando nesse mundo sem volta dos vicios. Dinheiro, fama .. não traz felicidade, é preciso saber trilhar um caminho correto na vida .
    Belo texto *--*

  1. Millena Blogueira

    Infelizmente,muitos artistas não sabem como lidar com a fama e acabam mal.

  1. palavras ao vento

    cada um e aquilo que quer ser...cada um faz o que quer...cada um procura um caminho...ela procurou o dela..e infelizmente achou...

  1. Rart og Grotesk

    tinha muito talento e uma bela voz, mas por outro lado...caiu no mundo das drogas, uma pena.

    Se quiser, conheça meu blog de arte obscura http://artegrotesca.blogspot.com

  1. Almir Ferreira

    Eu não fiquei abismado com a sua morte, era bastante previsível. Também não era fã, então não me causou nenhum sentimento a sua morte.

    Grande abraço

    Rama na Vimana
    http://ramanavimana.blogspot.com/ e http://almirfda.tumblr.com

  1. Lorenna Guerra

    Eu adorava as músicas dela. Achava ela maravilhosa no começo da carreira. Ela tinha tudo pra ter sido famosa até envelhecer bastante, mas desperdiçou a chance de uma boa vida. Aliás, desperdiçou a vida.

    rs
    Mesmo assim, não deixo de admirar quem ela foi há alguns anos atrás.

    http://www.garotasdizem.com/

  1. danielacristofoli

    Grande cantora, infelizmente aproveitou a mal vida que teve!

    Visite o BLOG : ETC MODA & TAL, comente e siga (avise em um coment)
    após seguir estarei seguindo com duas contas de volta!
    SEM CALOTES!!!
    espero sua visita:
    http://etcmodaetal.blogspot.com/
    :D
    Clica nos anuncios?? Seguindo eu clico nos teus anuncios tbm (só avisar q clicou)

  1. Lara Vic.

    ah eu sempre gostei da Amy e nunca acompanhei a vida pessoal dela mas dizer q ela era uma loser (com um o só) é maldade ela era e será por muitos anos se não para sempre mais um grande ícone.
    gostei de como vc escreveu apesar de ñ concordar. Ainda ñ tinha visitado este blog. beeijos!

  1. Alternativa teen

    Mais um talento que se foi !

  1. Leila Ice Girl

    Nunca gostei de Amy Winehouse nem como cantora (talento, sim, deveria ter, ninguem ganhar Grammy por acaso, afinal, mas não faz meu estilo) nem como pessoa, me recuso a admirar alguém que tem tudo e perde por que não é capaz de controlar os próprios sentimentos.

  1. Paulo Júnior

    Excelente blog, seguindo! :D

  1. In Barlow

    belo blog, escreve divinamente bem!
    meu dom é mais para o lado romântico. http://inbarlow.blogspot.com

  1. Jorge Lima

    Pra responder sua pergunta:
    A musica é de autoria minha, todas elas são!
    kkk'
    HUAS
    erótica...
    Eu avisei quando dei o titulo: +18
    obg pela sua visita
    ___
    desculpa usar o comentarios pra te mandar essa msg.

  1. Edu Chaves

    É uma pena o que aconteceu com ela, eu era fã dela antes dela morrer, adorava ela como cantora apenas. Que ela descanse em paz.

  1. best fakes

    elá era muito talentosa foi uma grande cantora

    http://manuscritoperdido.blogspot.com

  1. Tiêgo R. Alencar

    Senti bastante pelo o que aconteceu com a Amy, principalmente porque eu gostava demais da voz dessa linda. E ela tava se encaminhando pra glória quando essa tragédia aconteceu. Mas caramba, não entendo porque ela deixou as drogas afetarem a vida dela! Bastava um não, só isso. E a vida dela teria durado tão mais... Mas é como todo mundo diz, drogas é um caminho quase que sem volta. Pra Amy, foi sem ;/

    Abraço, ótimo post, man!

 

2011 por Natalia Araújo 2013 por Allan Penteado. Exclusivamente para o blog Manuscrito. Cópia parcial ou integral é totalmente proibida.