Aos que sofrem com o CORAÇÃO GRANDE

Posted by Italo Stauffenberg Marcadores: , , , , , , , , ,


      
      A cardiomegalia, popularmente conhecida por doença do coração grande, pode atingir homens e mulheres de todas as idades. Mas, frequentemente, é diagnosticada após os 20 anos de idade, quando o indivíduo sente falta de ar e fraqueza ao realizar pequenos esforços, como subir quatro degraus de escada.
      Nesta doença o coração fica grande devido ao seu esforço, que pode ser originado pela pressão alta, devido a doenças coronarianas. Com o coração grande, o sangue circula com maior dificuldade, pois o coração não consegue bombear o sangue com a força necessária, o que pode vir a gerar uma insuficiência cardíaca ou até mesmo outras doenças que também afetam o coração.
      O diagnóstico da cardiomegalia é feito com base na história clínica do indivíduo e com o resultado do raio-x e do eletrocardiograma. Quando o tratamento sugerido pelo médico é feito corretamente, o indivíduo pode ter uma vida normal, mas deve evitar os esforços, pois seu coração não voltará ao tamanho normal.
      Hãn? Você deve está se perguntando o por quê de tantas explicações à cerca da cardiomegalia, ou popularmente conhecida, doença do CORAÇÃO GRANDE. Acontece que outro dia estava eu mergulhado em meus muitos pensamentos e me deparei com a seguinte afirmação: EU SÓ POSSO É SER DOENTE MESMO! Rs’ calma! Eu não sou doente, nem tenho e nem terei esta doença se Deus quiser. Porém, o campo da imaginação é vasto e nele posso me permitir fazer n-comparações.
      Da afirmação que fiz que tenho o “coração grande” eu inferi a seguinte análise: ela é uma doença que pode atingir homens e mulheres e começa por volta dos 20 anos e a pessoa debilitada começa a sentir fraqueza ao realizar pequeno esforços. Como já fora dito, nesta doença o coração fica grande devido ao ESFORÇO. Sim, o esforço. E através desta pequena palavra vamos novamente chegar aonde? AMIZADES.
      Quem nunca teve uma amizade construtiva? E uma destruidora? Enfim, o que vennho lhes propor é a afirmativa de que pessoas como eu, que sofrem da doença do coração grande, nada mais são do que pessoas vulneráveis a qualquer outro tipo de pessoas. Mas por quê isto, Italo? Pelo simples fato de sempre nos ESFORÇARMOS para agradar as pessoas acabamos por nos tornarmos doentes. O nosso coração fica tão grande, tão pesado, tão cheio de sentimentos bons (e em alguns casos, ruins) que ele quase não cabe dentro do nosso pequeno corpo humano.
      Outrossim, questionei-me da importância de ter um coração grande. Seria necessário ser assim? Correr riscos à sua própria saúde quando outros não estariam ligando minimamente para você? NÃO. Isto não é bom. A doença do coração grande só é diagnostica através de uns Raios-X e no campo dos sentimentos não é bem diferente. Faça uns Raios-X em você mesmo e veja se aquilo que você faz em prol de outros tem te beneficiado ou beneficiado à eles. É válido sofrer por quem não dá atenção a você?
      Lendo isto você também pode se questionar: Italo, tu não acredita em Deus e no Seu amor? Daí eu posso, simplesmente, responder-lhe: Acredito no amor de Deus por mim e por você, pois Ele já demonstrou que nos ama. E você, o que tem feito para demonstrar seu amor por outros? Será que temos deixado pessoas ficarem doentes por nossa causa e em nosso egocentrismo temos olhado só para nós como se fôssemos mais importantes que os outros?
      Infelizmente, apesar de haver tratamento, a doença do coração grande te faz ter o coração grande pela vida toda. Sabe por quê? Por que aqueles que têm o coração grande sabem o que é amar. Eles entendem isto e sofrem constantemente com isso. E não há cura para o amor. Por que, mesmo sofrendo, o amor é bom. Aqueles que, feliz ou infelizmente, sofrem com um coração grande devem evitar as fortes emoções e os grandes esforços. Esforços estes, principalmente, por aqueles que não lhe correspondem. Devemos amar por que somos amados e não na busca de recebermos amor em troca.
Prontuário do Dr. Italo Stauffenberg
 "Tenho estado tão omisso com este blog, mas, eu penso, penso e penso no que lhes escrever e quase nada me passa em mente! Algo de útil e que possa lhes fazer refletir. Enfim, tentarei ao máximo está por aqui e visitar os blog da galerinha que admiro. Prometo. Rs' Abraços apertados."

3 comentários:

  1. Allan Penteado

    Ter o coração grande, faz a pessoa pensar que é aquela que se preocupa com todos e mas todos, quando na verdade essa pessoa é muito egoísta pois se acha possível de cuidar de suas dores e das dos próximos!

  1. Scarlat Assunção

    Coração grande. Quando eu tinha 10 anos descobri que tinha o coração maior que o normal. Até que um bom tempo depois novos exames comprovaram o contrário. Ainda acho que os exames certos eram os primeiros.

    Amei o seu blog!
    http://alternativedruugs.blogspot.com/

  1. Pegadas do Coração

    Que coração grande, meu amigo! Kkkk..
    O amor é isso e mais um pouco. O amor é uma parte integrante do ser humano, mesmo que diga que não, mas está mentindo pra si mesmo. Já sofri por conta desse sentimento, mas mesmo assim, não o abandono.
    Abraço!

 

2011 por Natalia Araújo 2013 por Allan Penteado. Exclusivamente para o blog Manuscrito. Cópia parcial ou integral é totalmente proibida.