Os dois lados de um mesmo pastor

Posted by Italo Stauffenberg Marcadores: , , , , , , , , , , , ,





      Lembro-me como se fosse hoje a entrevista concedida pelo pastor Marcos Pereira da Assembléia de Deus dos Últimos Dias ao Conexão Repórter, do SBT. O então apresentador e jornalista, Roberto Cabrini, foi investigar as acusações proferidas ao pastor de que ele estaria envolvido com tráfico de drogas e lavagem de dinheiro, fora isto, também sofrera com acusações de estupros e orgias feitas com suas próprias fiéis em seu apartamento de luxo avaliado em 8 milhões de reais, em Copacabana, e comprado com o dinheiro dos fiéis. Não era de duvidar que, o então pastor, negasse tudo o que haviam lhe acusado. 
      Todavia, a "casa caiu" novamente e, na última terça-feira, o pastor foi preso e está na Penitenciária de Bangú acusado de todos os crimes já citados. Não adianta por culpa em emissoras de TV, especialmente a TV GLOBO. Tenho que, acreditar que "a que se faz a que se paga". Não posso negar que este homem é ou foi (não sei) muito usado pelo seu Deus para ajudar dependentes de drogas e através do nome de Jesus libertar pessoas de seus demônios pessoais. 
      Mas, uma coisa eu sei: o homem é falho e está sucesível a cair. Lastimável. Sim, lastimável um homem num status e honra de pastor ser acusado de tantos delitos considerados hediondos. Aonde já se viu uma pessoa dizer para uma fiel que o "demônio" só sairia dela se ela mantivesse relações sexuais com ele já que seu corpo era santo e poderia purificá-la? Seria inocência minha e sua acreditar que pessoas assim, como "tanta" ingenuidade existem e aceitariam tal condição para "se libertar"?. Mas, quando as coisas se remetem ao mundo espiritual e a manipulação malígna tudo é possível. 
      Como cristão sinto-me enojado com todo este escândalo e queria que as "acusações" fossem apenas especulações. Uma ida à cadeia é sinal de que muito já foi descoberto e só falta ser confessado. Como já disse, lastimável. Em conversa com minha família chegamos a uma conclusão: a dita "manipulação" feita por alguns religiosos (aí incluo pastores, padres, rabinos...) aos seus fiéis pode inferir nisto. A igreja precisa amar e honrar seus líderes, mas uma situação dessas é incabível. 
      Concluo que, se houve abuso, orgias e estupros não foi com a "inconciência" das vítimas, por que é impossível haver tanta "pureza" numa sociedade como a nossa. Enfim, quanto as acusações de tráfico de drogas e lavagem de dinheiro? Bom, triste é para o homem tirar alguém do vômito e cair sobre este próprio vômito. Cabe a polícia e ao ministério público sentenciá-lo.

0 comentários:

 

2011 por Natalia Araújo 2013 por Allan Penteado. Exclusivamente para o blog Manuscrito. Cópia parcial ou integral é totalmente proibida.