Priscilla Alcântara fala sobre o novo álbum, carreira, televisão e os projetos para 2016, que incluem o lançamento de um livro

Posted by Italo Stauffenberg Marcadores: , , , , , , , , , ,


Muitos pequeninos cresceram assistindo aquela menininha doce e encantadora que todas as manhãs alegrava os telespectadores de todo o Brasil no programa Bom Dia & Cia (SBT). Ela cresceu. Hoje, aos 19 anos, Priscilla Alcântara segue em divulgação da carreira de cantora e também dá pinta na internet como uma youtuber. Promovendo a turnê de lançamento do recente álbum “Até Sermos Um”, a loirinha chega a capital maranhense na quarta-feira de cinzas, 10, para se apresentar no Retiros Culturais 2016, a partir das 17h, no Cais da Alegria (ao lado do Terminal de Integração da Praia Grande). O evento também contará com shows de Aline Barros, Marcos Nunes, a banda norte-americana Christafari e grande elenco de artistas evangélicos locais.
Depois de uma mudança radical no visual, que consiste em cortes de cabelos ousados e roupas descoladas, Priscilla Alcântara deixou para traz, de vez, aquela imagem de menina meiga e incocente (natural de quem é criança, claro). Não que ela tenha mudado a personalidade. Pelo contrário, a cantora segue com a mesma filosofia de vida e a aura divertida, mas musicalmente falando houve uma maturidade notável em sua forma de fazer músicas.
Tanto que em seu mais recente trabalho, o álbum “Até Sermos Um”, que contou com a produção de Daniela Araújo, Priscilla Alcântara flertou com novas sonoridades e apostou em uma veia mais pop. O disco é puxado pelo single “Tudo é Teu”, mas também conta com a faixa “Espírito Santo”, uma das músicas mais conhecidas da cantora.
Em entrevista exclusiva a O Estado, Pri comentou que buscou fazer canções que expressassem sua identidade nos sons e aquilo que ela vivia por meio das letras. “Foi uma junção”, disse. “Precisei descobrir bastante sobre mim para isso. Também estou com 19 anos e a cada dia vivo mais uma experiência que me amadurece”, completou.
“Tudo é Teu”, atual faixa de trabalho, descreve a relação de Pri com o Criador. No videoclipe da música, ela fez questão de deixar claro que muitos jovens, por mais que sintam uma “certa alegria” nas coisas passageiras deste mundo, na verdade, carecem de uma razão para lhes dar “a verdadeira alegria”. Mesmo tocando em um tema considerado “polêmico” por muitas pessoas que preferem não aceitar interferência de religião alguma, a cantora defende seu posicionamento alegando que não abre mão de sua fé, pois foi através dela que conquistou tudo o que tem. “Minha fé vem antes de qualquer coisa, inclusive da minha carreira. Até por que foi a minha fé que me proporcionou tudo o que tenho hoje, por isso sempre exponho o assunto”, frisou.
Sobre a reposta e aceitação do videoclipe, ela confessou que ficou surpreendida com o retorno do público. “Quando eu ouvi a música pronta, a idéia do clipe veio a minha mente. Eu tinha certeza de que essa era a mensagem a ser passada por mais difícil que fosse encontrar o jeito de transmiti-la. Mas o público recebeu muito melhor que o esperado. Compreenderam a mensagem”, assegurou.
Outra canção que impulsionou a carreira de Priscilla Alcântara é “Espírito Santo”. A música foi lançada na internet em 2014, como uma música sem pretensão de tornar-se um single de trabalho, mas o alcance foi além das expectativas. “Não lancei com a intenção de fazer dela um hit, apenas aconteceu. Era um vídeo meio caseiro, ao vivo, e acabou me projetando para o cenário da música com força. Ela foi o que abriu portas, por isso é tão importante”, ressaltou a loira.  
Em sua passagem pela capital maranhense, a ex-apresentadora trará no repertório músicas que compõem basicamente o novo álbum, mas também canções que ela já lançou como singles de trabalho em outras oportunidades. Dois covers de músicas conhecidas do público cristão também entrarão no set list, segundo a cantora.
Animada para se encontrar com os fãs maranhenses, Pri Alcântara revelou estar bastante ansiosa para louvar a Deus na capital. “Sempre recebo muitos comentários pelas redes sociais da galera pedindo que eu vá para São Luís, e finalmente surgiu a oportunidade. Estou ansiosa não só pelo show, mas também por conhecer o público daí”, adiantou.
No dia em Priscilla Alcântara fará o show em São Luís, outros cantores do meio gospel também farão apresentações na cidade. É o caso de Aline Barros, Marcos Nunes e Christafari (que dividirão o mesmo palco que ela) e Bruna Karla, Som e Louvor e Juliano Son (do Livres) que farão um show há poucos metros de distância. Pelas trocas de mensagens nas redes sociais e conversas entre o público cristão percebe-se que a comunidade evangélica está dividida quanto a qual show ir, pois raramente uma situação dessas acontece.
Sobre o fato do crescimento da música evangélica no Brasil, principalmente, observando a ótica local que trará dois eventos distintos com fortes nomes do gospel brasileiro, Pri vê a situação com bons olhos. “Tem crescido [o movimento gospel] muito mesmo. O que é bom, pois as pessoas precisam ouvir sobre Deus. Minha intenção é realmente invadir a música brasileira com a mensagem da Cruz através das minhas canções”, enfatizou.
A artista, que também flerta como youtuber e já alcançou mais de 550 mil inscritos em seu canal no YouTube, disse que, por estar afastada da televisão e gostar do entretenimento e de se comunicar com o público percebeu que na internet poderia dar continuidade ao trabalho que a projetou nacionalmente, no caso, a apresentação do Bom Dia & Cia, que esteve à frente por quase oito anos.
“Estou fora da TV, mas amo me comunicar com o público através do entretenimento. Vi o YouTube como um bom meio de fazer isso. Então comecei vídeos de humor para manter esse contato com quem me acompanhava na TV e levar alegria para eles de alguma forma”, salientou. Segundo ela, seus vídeos não obedecem um roteiro prescrito. Tudo é feito na base da improvisação. “Não tem roteiro. Eu apenas crio um tema, ligo a câmera e espero sair alguma coisa engraçada. Mas é fácil, é só falar sobre a vida real”, descreveu a Alcântara.
Questionada sobre sua volta a televisão, ela nem diz que sim, nem que não. Contudo, caso retornasse preferiria não integrar um programa voltado para o público infantil. “Quem sabe eu volte a TV. Nem eu sei, mas se acontecer ficaria feliz. Não faria programa infantil. Faria algo que pudesse ser assistido por pessoas de todas as idades. Um formato que envolvesse a música também seria legal”, apontou a cantora.


Uma das apresentadoras mais conhecidas do Bom Dia & Cia (o programa também revelou outros grandes apresentadores, como é o caso de Yudi Tamashiro, Maisa Silva, Jackeline Petkovic e Eliana), Pri confessou não ficar nenhum pouco chateada com os fãs – e até os haters – que ficam lhe pedindo “playstations” tanto por meio de suas redes sociais quanto nos shows. “Não me importo, pois é apenas uma brincadeira do público que me acompanhou na TV. Fiquei quase oito anos apresentando o Bom Dia & Cia. Foi algo que marcou e que será lembrado para sempre, então não tem problema”, garantiu a jovem.
Figura carimbada nas redes sociais, é possível saber um pouco de Priscilla Alcântara tanto em sua conta no facebook (utilizada para promover shows), no instagram (onde posta fotos mais bem trabalhadas) e no snapchat, onde segundo ela, faz um bastidor da sua vida. Ela também mantém duas contas no YouTube. O canal “Vlog de Tudo” onde publica vídeos sobre seu dia a dia e o “PrisAlcantaraVEVO”, em que posta suas músicas, clipes e passagens por cidades onde se apresenta. “Amo redes sociais. É o meio de maior interação com quem me acompanha”, disse.
Sobre os planos para 2016, Priscilla Alcântara almeja se envolver mais na música e lançar um novo single até o final do ano para iniciar a produção do próximo álbum em 2017. Ela também está escrevendo um livro que será lançado no segundo semestre deste ano, o “O Livro de Tudo”.

Fotos: Divulgação/Kika Nascimento e Laryssa OAK
Matéria publicada no jornal O Estado do Maranhão (online)

0 comentários:

 

2011 por Natalia Araújo 2013 por Allan Penteado. Exclusivamente para o blog Manuscrito. Cópia parcial ou integral é totalmente proibida.